MENU

Assoeva sofre a primeira derrota em amistosos

Presidente do Inep exonerado

LUTO Crédito: UOL Esportes

Morre Rafael Henzel, sobrevivente de acidente areo da Chapecoense

Jornalista sofreu um infarto nesta tera-feira enquanto jogava futebol

  • Morre Rafael Henzel, sobrevivente de acidente areo da Chapecoense
    Foto: Divulgação

O jornalista Rafael Henzel, sobrevivente do acidente aéreo da Chapecoense, morreu na noite desta terça-feira, aos 45 anos, após sofrer um infarto enquanto jogava futebol. Ele foi levado de helicóptero ao Hospital Regional de Chapecó, mas não resistiu.

O narrador costumava jogar futebol com amigos às terças-feiras. Na partida de ontem, se sentiu mal e precisou ser socorrido. Mais cedo, apresentou normalmente seu programa esportivo na Rádio Oeste Capital FM.

Para hoje, estava escalado para narrar a partida entre Chapecoense e Criciúma,
válida pela Copa do Brasil. O clube catarinense já solicitou à Confederação Brasileira de Futebol o adiamento da partida.

Na semana passada, ele estava na Europa participando de dois festivais de cinema que apresentaram o filme "Nossa Chape". Prefeito de Chapecó, Luciano Buligon decretou luto oficial de três dias na cidade. O velório do jornalista será no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes, que fica ao lado da Arena Condá, estádio da Chapecoense.

Henzel foi um dos seis sobreviventes do voo LaMia 2933. O avião, que levava a delegação da  Chapecoense para a Colômbia, caiu no dia 28 de novembro de 2016 próximo ao aeroporto na cidade de Rionegro e matou 71 pessoas.

Em junho de 2017, o jornalista publicou o livro "Viva Como se Estivesse de Partida" e mais tarde começou a dar palestras motivacionais.

Tags: