MENU

Boca de urna crime eleitoral de maior incidncia

Time Amarelo vence o Jogo dos Craques da LNF

Venncio Aires Crédito: Veridiana Rhsler / RVA

Confira resultados j apurados acerca da votao de candidatos em Venncio Aires

Esses nmeros foram computados quando ainda restavam urnas para ser apuradas no estado

  • Confira resultados j apurados acerca da votao de candidatos em Venncio Aires
    Foto: Rodolfo Becker / RVA

Eleições 2018: restando 1% de urnas para apuração, trazemos aqui alguns dos resultados já computados: 

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) disputam 2º turno para o cargo de presidente da República. No Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB) e José Ivo Sartori (MDB) levam eleitores novamente às urnas para votação em 28 de outubro.

Em Venâncio Aires, os presidenciáveis mais votados também foram Bolsonaro e Haddad. Jair Bolsonaro fez 23.327 votos, enquanto que Fernando Haddad recebeu 9.677 votos. Em terceiro lugar ficou Ciro Gomes (PDT), com 2.987; seguido de Geraldo Alckmin (PSDB) com 2.733 votos. Além desses, receberam votos em Venâncio Henrique Meirelles (MDB), com 866; João Amoêdo (Novo), com 684; Marian Silva (REDE), com 259; Alvaro Dias (PODE); com 246; Cabo Daciolo (PATRI) com 142; Guilherme Boulos (PSOL), com 133; Vera (PSTU), com 10; Eymael (DC), com oito; e João Goulart Filho (PPL), com seis votos.

GOVERNO DO ESTADO RS

No cenário para eleição do governador gaúcho, os eleitores de Venâncio Aires também colocam Eduardo Leite (PSDB) e José Ivo Sartori (MDB) como os primeiros colocados. No entanto, diferente da votação geral do estado, Sartori é o mais votado, tendo recebido 16.407 votos. Leite recebeu 14.704. Em terceiro e quarto lugares em Venâncio ficaram Miguel Rosseto (PT), com 4.756 votos; e Jairo Jorge (PDT), com 2.307 votos. Aparecem ainda Mateus Bandeira (Novo), com 660; Roberto Robaina (PSOL), com 102; e Julio Flores (PSTU), com 23 votos.

DEPUTADOS ESTADUAIS

Para deputado estadual, a maior votação em Venâncio foi do ex-prefeito Airton Artus (PDT), com 13.308 votos, que chegou muito perto de se eleger. Artus ocupa agora a primeira suplência do PDT na Assembleia Legislativa, totalizando em todo o estado 24.407 votos. Faltaram cerca de 200 votos para se eleger. Em segundo lugar na Capital do Chimarrão ficou Vinícius Medeiros, que recebeu 7.494 votos em Venâncio, e, no RS fez 17.137. Celso Kramer faz 5.363 votos em VA, e, no estado 14.889; seguido de Dieni Berté (PT), com 984 votos no município, e, no Rio Grande do Sul 4.035. Nenhum dos candidatos de Venâncio Aires se elege a deputado estadual.

DEPUTADOS FEDERAIS

No âmbito da Câmara Federal, o candidato mais votado em Venâncio Aires foi Heitor Schuch (PSB), com 9.398 votos. Em segundo ficou Nilson Lehmen (MDB), que recebeu votos de 4.625 eleitores em VA. Entre os que receberam votos, ainda aparecem com mais de mil votos na Capital do Chimarrão, Marcelo Moraes (PTB), que recebeu 3.700 votos; Marcel Van Hatten (NOVO), com 1.305; e Lucas Redecker (PSDB), com 1.151 votos.

SENADO 

Luis Carlos Heinze (PP) e Paulo Paim (PT) vão representar o Rio Grande do Sul no Senado.


CENÁRIO NACIONAL

Estados que elegeram governadores em 1º turno:

Acre: Gladson Cameli (PP)

Alagoas: Renan Filho (MDB)

Bahia: Rui Costa (PT)

Ceará: Camilo Santana (PT)

Espírito Santo: Renato Casagrande (PSB)

Goiás: Ronaldo Caiado (DEM)

Maranhão: Flávio Dino (PC do B)

Mato Grosso: Mauro Mendes (DEM)

Paraíba: João Azevêdo (PSB)

Paraná: Ratinho Júnior (PSD)

Pernambuco: Paulo Câmara (PSB)

Piauí: Wellington Dias (PT)

Tocantins: Mauro Carlesse (PHS)

 

Locais onde haverá 2º turno em 28 de outubro:

Amapá: Waldez Góes (PDT) e Capi 40 (PSB)

Amazonas: Wilson Lima (PSC) e Amazonino Mendes (PDT)

Distrito Federal: Ibaneis (MDB) e Rodrigo Rollemberg (PSB)

Mato Grosso do Sul: Reinaldo Azambuja (PSDB) e o juiz Odilon (PDT)

Minas Gerais: Romeu Zema (Novo) e Antonio Anastasia (PSDB)

Pará: Helder Barbalho (MDB) e Márcio Miranda (DEM)

Rio de Janeiro: Eduardo Paes (DEM) e Wilson Witzel (PSC)

Rio Grande do Norte: Fátima Bezerra (PT) e Carlos Eduardo (PDT)

Rio Grande do Sul: Eduardo Leite (PSDB) e José Ivo Sartori (MDB)

Rondônia: Expedito Junior (PSDB) e Coronel Marcos Rocha (PSL)

Roraima: Antonio Denarium (PSL) e Anchieta (PSDB)

São Paulo: João Doria (PSDB) e Mario França (PSB)

Sergipe: Belivaldo (PSB) e Valadares Filho (PSB)

Santa Catarina: Gelson Merísio (PSD) e Comandante Moisés (PSL)

 

*Mais informações poderão ser acompanhadas ao longo da programação da RVA nesta segunda-feira. 

 

 

 

 

 

Tags: